Os cariocas aquecendo as turbinas...

Por Vitor Hugo Martins

Vai começar o Campeonato Carioca, o mais charmoso do Brasil! Farei um detalhamento das prováveis escalações, usando como base uma formação única (4-4-2), dos quatro grandes clubes do futebol carioca.


Goleiro:

Diego Cavalieri (Fluminense) – Vem de temporadas apagadas onde não teve oportunidade de atuar como no Palmeiras em 2007, quando foi considerado um dos melhores goleiros do Brasil.
 

Fernando Prass (Vasco) – Desde 2009 vem sendo considerado um dos melhores jogadores do Vasco. Sua regularidade e segurança ajudarão muito a equipe em 2011.
 

Felipe (Flamengo) – Saiu de forma conturbada do Corinthians e não teve grandes atuações no Braga de Portugal. No Corinthians alternava grandes defesas com falhas grotescas, mas pode encontrar seu melhor futebol no clube da Gávea.
 

Jefferson (Botafogo) – Foi um dos melhores goleiros no BR 2010, o que lhe rendeu merecidas convocações para a seleção de Mano Menezes. É um dos grandes nomes do Botafogo para a temporada.

Lateral-direito:

Mariano (Fluminense) – Fez um grande Campeonato Brasileiro. Começa 2011 com moral e se mantiver o nível, poderá aproveitar por mais passagens na Seleção Brasileira.
 

Fágner (Vasco) – Não se lesionando, tem potencial para se tornar um dos melhores laterais do Brasil. Ataca com qualidade e em 2010 mostrou qualidades defensivas até então desconhecidas.
 

Leonardo Moura (Flamengo) – Há tempos é um dos pilares do time do Flamengo. Devido ao desempenho fraco do rubro-negro em 2010 não teve grande destaque, mas tem qualidade para ser um dos melhores do Brasil.
 

Alessandro (Botafogo) – Sempre questionado, mas vem sendo titular a bastante tempo. Esse ano o Botafogo contratou uma promessa do Figueirense, Lucas, que servirá de sombra fazendo com que tenha que mostrar seu melhor futebol.

Zagueiro:

Gum e Leandro Euzébio (Fluminense) – Os dois formam uma zaga de grande força física e qualidade no jogo aéreo. Chegam com qualidade no ataque, foram responsáveis por muitos gols do tricolor carioca.
 

Dedé e Anderson Martins (Vasco) – Dedé foi considerado o melhor zagueiro pela direita do BR 2010. Mantendo o nível será tranquilamente convocado para a seleção e o outro é uma aposta vascaína. Jogou nas seleções de base e terá sua grande oportunidade na carreira.
 

David e Wellinton (Flamengo) – É uma dupla que não apresenta muita representatividade. São jovens que estão em busca de destaque.
 

Antonio Carlos e Fabio Ferreira (Botafogo) – Antes da lesão do Fábio, vinham formando uma boa dupla. Com segurança na defesa e boa subidas no ataque, principalmente de Antonio Carlos, ganharam a confiança da torcida e tem perspectivas de um bom ano.

Lateral-esquerdo:

Carlinhos (Fluminense) – Boa presença em no último ano. Teve boas atuações e colocou Julio Cesar (eleito o melhor lateral esquerdo do BR 2009) no banco.
 

Ramon (Vasco) – Afastado de grande parte do ano passado, após um trabalho de recuperação, tem totais condições de repetir o bom ano de estréia com a camisa cruzmaltina.
 

Egídio (Flamengo) – Considerado um jogador mediano, terá a tarefa de substituir Juan. Veio de uma temporada mediana com a camisa do Vitória.
 

Márcio Azevedo (Botafogo) – Terá a missão de dar ao Botafogo uma tranqüilidade na lateral esquerda. Somália foi improvisado em muitos jogos.

1° volante:

Valencia (Fluminense) – Marcação forte e muita vontade são dois dos principais atributos desse jogador
 

Eduardo Costa (Vasco) – Após passagens apagadas no futebol francês e brasileiro terá uma boa oportunidade de mostrar o bom futebol apresentado no Grêmio e seleções de base.
 

Maldonado (Flamengo) – Após algumas contusões não conseguiu repetir em 2010 o bom ano de 2009. É um volante muito técnico.
 

Arévalo (Botafogo) – Após uma bela Copa do Mundo, chega com credenciais de boa contratação alvinegra.

2° volante:

Diguinho (Fluminense) – Alterna boas partidas com outras de baixo nível. É um jogador irregular conhecido por aproveitar as noites cariocas. Se concentrando nas quatro linhas, é um bom jogador.
 

Rômulo (Vasco) – É um jovem que mostrou qualidade no seu ano de estréia. Terá um ano de afirmação.
 

Willians (Flamengo) – Um dos maiores ladrões de bola do Brasil. Por outro lado, além de cometer algumas faltas desnecessárias, tem como o passe um dos seus defeitos. Apresenta-se bem ofensivamente.
 

Marcelo Mattos (Botafogo) – Foi um dos melhores jogadores do Botafogo no BR 2010 antes de se lesionar. Marca forte e tem boa qualidade na saída de jogo.

3° homem de meio campo:

Conca (Fluminense) – Melhor jogador do BR 2010. Visão de jogo, passe refinado e lançamentos precisos são algumas das suas inúmeras qualidades. Apresenta como defeito o “sumiço” nos jogos mais decisivos.
 

Felipe (Vasco) – Umas das esperanças do Gigante da Colina para um bom ano de 2011. Mesmo não tendo o mesmo vigor físico para dar seus dribles, tem uma grande visão de jogo e é capaz de decidir uma partida em um lance.
 

Renato Abreu (Flamengo) – Dono de um chute poderoso, Renato é uma das armas rubro-negras nas bolas paradas.
 

Renato Cajá (Botafogo) – Teve grande destaque na Ponte Preta, mas ainda não conseguiu repetir as atuações que o consagraram como grande promessa.

4° homem de meio campo:

 
Deco (Fluminense) – É tido como uma das grandes estrelas do futebol nacional no momento, mas até agora não fez jus ao salário astronômico que recebe. Atuando e estando em forma, tem a capacidade de levar o Fluminense no caminho dos títulos.
 

Carlos Alberto (Vasco) – Entrou em graça com a torcida em 2009 após a Série B, mas em 2010 ficou mais no Departamento Médico do que em campo. Tem qualidade para estar na seleção renovada do Mano, depende dele.
 

Thiago Neves (Flamengo) – Capacidade de finalização é o seu principal atributo. Um jogador que faz três gols numa partida de final de Libertadores merece respeito. Foi uma contratação de peso. É um grande jogador.
 

Maicosuel (Botafogo) – É a grande esperança da torcida botafoguense. É esperado que repita o grande campeonato carioca feito pelo jogador em 2009, quando se recuperar da sua lesão.

2° atacante:

Emerson (Fluminense) – Ficou de fora em vários jogos em 2010, mas quando esteve em campo o Sheik mostrou muita qualidade. Mostrou estrela quando marcou o gol do título brasileiro.
 

Eder Luis (Vasco) – Considerado por muitos como o melhor jogador do Vasco na segunda metade de BR 2010. Tem a velocidade como seu grande trunfo.
 

Ronaldinho Gaúcho (Flamengo) – Maior contratação da história do futebol brasileiro. Se vier com disposição de mostrar seu futebol é muito difícil de pará-lo. Será a atração de 2011.
 

Herrera (Botafogo) – Alterna bons e maus momentos. Vamos ver qual será o Herrera de 2011.

Centroavante:

Fred (Fluminense) – Assim como seu companheiro de ataque, ficou fora de alguns jogos devido a sucessivas lesões. Tem qualidade para ser um jogador de seleção. Finaliza bem, sabe jogar de costas para a defesa e busca o jogo a todo o momento. Sem lesões é um dos grandes atacantes do Brasil.
 

Marcel (Vasco) – Não é o nome de peso que a torcida vascaína esperava. Teve uma passagem razoável pelo Santos em 2010. É uma incógnita.
 

Deivid (Flamengo) – Não chegou nas suas melhores condições e foi decepcionante seu primeiro semestre com a camisa do Flamengo. Mas tem condições de repetir seus melhores momentos.
 

Loco Abreu (Botafogo) – O ídolo botafoguense fez um grande ano em 2010. Finaliza com qualidade, não apenas no jogo aéreo, e com muita vontade, o uruguaio caiu nas graças da galera quando fez o gol do título carioca batendo o pênalti contra o então goleiro Bruno com a cavadinha.

Técnico:

Muricy Ramalho (Fluminense) – O melhor técnico do Brasil terá a árdua missão de levar o Fluminense ao seu primeiro título da Libertadores.
 

PC Gusmão (Vasco) – Terá uma missão complicada também. Dar ao Vasco um título em 2011. A torcida está impaciente.
 

Vanderlei Luxemburgo (Flamengo) – Tem que mostrar o porquê de ter sido considerado por tanto tempo o melhor treinador do Brasil. Terá uma grande oportunidade após a contratação de Ronaldinho.
 

Joel Santana (Botafogo) – Após um bom ano do Botafogo, terá a missão de mostrar ainda mais e conquistar uma vaga na Libertadores de 2012.

Atualmente o Fluminense apresenta o melhor elenco do futebol carioca e devido a isso poderia ser considerado o grande favorito, mas a disputa da Libertadores fará com que a atenção ao Campeonato Carioca não seja 100%. Não acho que seja possível apontar um favorito, todos são igualmente postulantes ao título.

Agora é esperar quarta-feira (19/01) e usufruir do mais charmoso campeonato estadual do Brasil.


Vitor Hugo Martins é um carioca que realmente passou a ter contato com o futebol na Copa de 94, quando teve como momento marcante o jogo entre Brasil x Holanda, no dia do seu aniversário, e teve essa paixão consolidada em seu primeiro clássico in loco, em 1995. Escreverá às segundas-feiras, após as rodadas de final de semana, falando sobre os assuntos que estarão em discussão na imprensa esportiva.

5 comentários:

  1. Seja muito bem vindo ao BLJ, Vitor!

    Bela análise, que denota, sobretudo, o crescimento do nível técnico do futebol carioca. Os quatro grandes clubes entram em boas condições, e começam a pavimentar um caminho que pode significar mais títulos ao final de 2011.

    Fica faltando apenas o Maraca...

    ResponderExcluir
  2. Vitor Hugo Martins17 de janeiro de 2011 23:57

    Hoje o futebol carioca entra para disputar os títulos nacionais em igualdade de condições. Provas disso são os atuais campeões brasileiros, que independentemente das casualidades, foram superiores aos seus adversários.

    ResponderExcluir
  3. Grande Hgm!

    Bela análise. O cariocão vai começar e estamos todos curiosos pra ver nosso Vascão, como vai se portar, se vai entrar mesmo com o discurso que os jogadores estão pregando. Como você bem frisou, estamos sem paciência e sedentos por títulos. O Flu pelo elenco pode ser considerado o favorito, mas somente no papel, pois foi o
    que mais se reforçou e tem em várias posições jogadores que podem resolver o jogo.

    O Flamengo tem bons meias, que serão a dor de cabeça das defesas cariocas, porém a
    defesa é a pior dos 4 grandes. Jogos contra eles tem tudo pra terminar com placares
    grandes.

    O Botafogo não creio que ganhe essa, contratou um bom reforço uruguaio e tem o Loco
    como boa referência no ataque, mas não creio que tenha força pra papar o título.

    Agora nosso Vascão ainda tem setores no time onde somos fracos, a nosso favor conta
    a base mantida do ano passado, e algumas peças que melhoraram a qualidade do elenco,
    como a surpresa do técnico e seguro Anderson Martins, que junto com o Dedé tem tudo
    pra ser uma das melhores duplas do futebol brasileiro de 2011.

    Nos resta torcer pra que o PC consiga repetir escalações sem tantos problemas de lesão
    e chinelismo como ano passado. Eu confio no Vascão. Tem que aproveitar a Taça Guanabara
    pra ganhar logo o primeiro turno, aproveitar enquanto os outros não estão tão entro-
    sados, e depois é só continuar com a mesma pegada.

    Chega de decepções, tem que ser um ano de conquistas pra que o Vasco continue voltando
    ao seu lugar de direito que é no meio das glórias!

    Avante Vascão

    Abraços aos amigos colunistas e editores do blog: Bull, Fontenelle, Tunin e HGM. Nos
    achamos pela onda da net!

    ResponderExcluir
  4. Vitor Hugo Martins18 de janeiro de 2011 14:20

    Valeu Jean.

    Esse Carioca tem todos os ingredientes para ser o melhor dos ultimos anos.

    ResponderExcluir
  5. muito PHOOOODAAAA mesmo, xou!!!

    porra não fui First!!!

    ResponderExcluir